Sobre o programa

Paradoxalmente, é mais fácil inovar em tempos desafiadores do que em cenários de bonança, visto que o esgotamento de antigas fórmulas acaba por minimizar as barreiras para que novos produtos e serviços possam germinar. Os desafios estão associados não só à cultura da empresa, que tende a ser tornar mais conservadora ainda em tempos complexos, mas também a instituição de processos, ferramentas e indicadores que amparem o processo de inovação. A inovação pode e deve ser induzida a partir dos desafios reais de negócios.

Neste contexto, encontram-se as metodologias ágeis, em particular o Scrum, que buscam amparar uma prototipação evolutiva com entregas parciais consistentes, minimizando os riscos e aumentando o engajamento da equipe.

Público-Alvo

Gerentes de projetos, gestores de inovação, gerentes de TI, analistas e demais executivos responsáveis pela liderança de projetos.

Conteúdo

  • Projetos Inovadores: motivação e contexto para a Agilidade;
  • Princípios basilares das Metodologias Ágeis;
  • Responsabilidades e artefatos do Scrum;
  • Reuniões de acompanhamento de projetos em estilo ágil;
  • Oficina Scrum de Projetos de Inovação.

Objetivos do Programa

  • Perceber a necessidade do emprego de metodologias ágeis em contextos desafiadores;
  • Compreender os papéis e artefatos associados à prática do Scrum;
  • Utilizar modelos e ferramentas do Scrum para a condução de reuniões de projetos de maneira ágil;
  • Exercitar a abordagem Scrum em uma oficina de projetos.

Metodologia

Exposição dialogada, apresentação de melhores práticas e oficina de projetos Scrum.

Professor